19 de jul de 2009

Sabe qual é o problema?

Eu não meço o "tipo" de gente que eu possa conviver.
Não frequento locais pelo estilo das pessoas, muito menos por onde as pessoas estão mais aglomeradas.
Onde se encaixa o problema? Juro como isso pode ser um problema nos meios extremos em que vivo.
Há momentos e MOMENTOS. Sabe, eu vou pra onde a minha vontade me leva. Eu vou pra onde eu possa me encontrar comigo naquele exato instante. Vai de grau de empolgação também. Seja pra um bar de esquina, ou pra uma balada socialite. Ou ainda mais: ficar em casa em "PLEEEEEEEEENO sábado à noite". Por que não curtir a minha casa num "sábado à noite"? Por que não posso estar sem vontade de sair num "sábado à noite"?
As pessoas exageram numas doses, muitas vezes.
Eu exagero na MINHA dose.

12 de jul de 2009

Bolo de chocolate!

Daqueles que explodem doçura. Com ou sem granulado, derretendo o sabor por onde passa.
É, daqueles que não te deixam parar de querer comer e afloram a tua gula voraz.

Eu quero um bolo de chocolate pra essa vida.
Quero um amor-bolo-de-chocolate.
Eu quero amigos-bolos-de-chocolate.
Quero uma FAMÍLIA-BOLO-DE-CHOCOLATE.

De chocolate!