8 de out de 2008

Ah, sim!

Como eu pude esquecer?
No dia da árvore, eu, também (entre telefonemas e visitas), recebi um e-mail lindíssimo!
A saudade tomou conta de mim, como foi com a emoção entrelaçada por uma felicidade imensa. Tudo de uma só vez e me vieram lágrimas nos olhos.
Ai, como é difícil ter uma amiga longe.

Lembram daquela preocupação? Pois bem, agora está tudo nos conformes e vem alguém por aí. Em vez de uma só, voltarão dois (duas) do Canadá. Ela nos traz consigo mais um(a), que iremos conhecer no início de 2009. Curiosa, eu? Nem me fale!

Um amor imenso, um carinho inexplicável. Amo, amiga. Ou melhor: OS amo!

Nenhum comentário: